Citytour - em Curitiba

Curitiba começou a receber desbravadores desde meados do século XVII, em busca de riquezas como o Ouro entre outros.

Em 1650, encontrou-se a existência de uma pequena quantidade de Ouro na região de Curitiba, e Ébano Pereira por sua vez solicitou a ajuda de pessoas que se instalavam na região para desbravar os metais encontrados, mas a quantidade encontrada foi muito pequena, e por sua vez a terra era muito fértil e facilitava o plantio e o pasto, formando assim pequenos povoamentos até que em 1693 o povoado de Nossa Senhora da Luz dos Pinhais foi elevada o povoamento a condição de Vila.

Apartir de 1721, a vila começou-se a organizar-se, e o Ouvidor Pardinho, começou a editar as primeiras normas de organização do vilarejo, como limpeza de ruas, demarcações entre outros provimentos editados na época.

Em 1731, A vila, começou a ser passagem das primeiras tropas, do ciclo do tropeirismo, que buscavam um caminho comercial entre Sorocaba-SP e Viamão –RS, passando mais de dois mil cavalos.

O ciclo da Erva-Mate, foi o principal produto econômico para a região, na qual a planta foi a responsável pelo desenvolvimento econômico e social de Curitiba.

Em 1853, a Província do Paraná, deixa de pertencer ao Estado de São Paulo, com a emancipação política da Província do Paraná, Curitiba passa a ser considerada a Capital do Estado do Paraná, e em 1854, ela passa a ser novamente projetada pelo Francês Pierre Taulois a re-projetar Curitiba, projetando e executando apartir de 1857,o traçado de ruas e avenidas que a cidade tornaria a utilizar desde então.

Em 1941, Curitiba passa por outra importante intervenção no seu planejamento, através do Plano Agache, desenvolvido pelo engenheiro francês Alfred Agache, na qual previa um crescimento radial da cidade definindo em seu projeto, as áreas que seriam utilizadas para habitações, serviços e indústrias, bem como a re-estruturação da malha viária e medidas de saneamento, formando assim em 1953 a primeira lei de zoneamento de Curitiba.



A CURITIBA DOS PARQUES


Curitiba é famosa pelos seus belos e maravilhosos parques, a maioria da década de 1990, quando Curitiba iniciou um processo de re-aproveitamento de espaços, muitos em desusos ou abandonados foram reprojetados e deram ao curitibano diversas opções de lazer, preservando a natureza, além de proporcionar uma grande importância na questão de captação de águas das chuvas, através de seus lagos, que captam as águas pluviais e as depositam em seus lagos antes de ganharem os rios da região, evitando os grandes alagamentos pelas ruas da cidade.



O CITYTOUR DE CURITIBA
:



O CITYTOUR, proporciona ao turista viver e vivenciar um pouco do que é ser curitibano, conhecendo os principais pontos turísticos da cidade e a sua história, de seu povo e de seus colonizadores que ajudaram a formar, projetar e desenvolver a cidade.

Curitiba, cidade de muitas etnias que foram responsáveis pelo desenvolvimento de nossa cidade, na qual destacam-se as etnias italianas, alemãs, ucranianas, polonesas, japonesas entre outras, cada uma com suas tradições e costumes, cada uma com a sua visão de futuro e todas elas juntas desenvolveram Curitiba.

Em cada ponto da cidade, é possível observar e analisar a sua organização e estrutura, buscando sempre a qualidade de vida de seus habitantes.

Embarque nessa viagem por Curitiba, sinta, divirta-se e viva Curitiba junto com a Agência Gralhatur Turismo.

Nossa Curitiba

Informações sobre a viagem

-Jardim Botânico;
-Rodoferroviária de Curitiba (Panorâmico);
-Mercado Municipal (Panorâmico) ;
-Teatro Guaíra (Panorâmico);
-UFPR (Panorâmico);
-Passeio Público (Panorâmico);
-Museu Oscar Niemeyer (Panorâmico);
-Bosque Papa João Paulo Segundo – Bosque Polonês;
-Opera de Arame;
- Parque Tanguá;
- Universidade Livre do Meio Ambiente;
-Bosque Alemão; (Panorâmico);
-Centro Histórico de Curitiba (Panorâmico).
- Transporte em Carros, Vans ou Microônibus;
- Guia de Turismo
Valor: R$ 145,00 p/p


Viva Curitiba com a Gralhatur:

TOP